A Empresa

Acesso de Piratininga – SP

Fundada em agosto de 1990, a CGS é uma empresa idealizada pelos irmãos Carlos Eduardo, o Dado; Giancarlo; e Silvio Raduan Andreoli, cujas letras iniciais de seus nomes formam a sigla que dá nome à construtora. Especializada no setor da construção pesada, executa grandes obras em operações próprias ou em parceria com as maiores construtoras do País, levando o desenvolvimento às regiões em que atua.

A CGS iniciou seus trabalhos com serviços de manutenção e conserva de rodovias, em parceria com empresas como a Construtora Andrade Gutierrez, Camargo Correa, Encalso e Queiroz Galvão. Nos primeiros anos de atuação, realizou grande parte das obras de arte corrente da rodovia Marechal Rondon (SP-300). Também fez, em parceria com a Constroeste, a conservação da Washington Luiz (SP-310), considerada uma das rodovias mais bem-conservadas do País.

Ao longo dos anos, a CGS ampliou sua área de atuação. Hoje, figura entre as maiores empresas do setor de construção pesada do País, além de fazer a conservação de rodovias. Seu complexo empresarial abrange duas pedreiras, três usinas de asfalto e uma fábrica de artefatos de cimento. Todas situadas na região de Bauru, sendo sua matriz em São José do Rio Preto.

Atualmente, abrange as mais variadas atividades ligadas à construção de infraestrutura, ou seja, obras de construção de rodovias, ferrovias, portos e aeroportos, relacionados à estrutura de transportes, além da construção de centrais de abastecimento de água, instalação de redes de esgoto e pavimentação de ruas, vinculadas à estrutura urbana. A CGS tem como seu principal cliente das obras de construção pesada o setor público.